Paraíba

Governador vai anunciar rompimento do contrato com a empresa que executa a obra da PB-394, diz Chico Mendes

A rodovia é utilizada pelos estudantes que se deslocaram diariamente para Cajazeiras, pelos moradores que precisam resolver alguma coisa na cidade, para o escoamento da produção agrícola, pesca e leite. Muitas pessoas de Cajazeiras também frequentam balneários que ficam às margens do Rio Piranhas e no próprio açude.

Em entrevista prestada na manhã desta terça-feira (12) na Rádio FM Cidade de Cajazeiras, o deputado estadual Chico Mendes (PSB), confirmou que o governo estadual decidiu rescindir e tornar nula a licitação da obra de pavimentação da PB-394, que liga a BR-230 ao Distrito de Engenheiro Avidos, o Boqueirão de Piranhas, no município de Cajazeiras.  

“Fizemos uma reunião com Deusdete Queiroga, com a direção e dos técnicos do DER e com o próprio governador João Azevêdo, onde ficou decidido. A obra foi iniciada no dia 29 de junho de 2020 com prazo para concluir no dia 29 de junho de 2022. Em junho, completa quatro anos e a obra ainda está longe de terminar. Uma empresa irresponsável. Não é falta de dinheiro”, disse.

A rodovia é utilizada pelos estudantes que se deslocaram diariamente para Cajazeiras, pelos moradores que precisam resolver alguma coisa na cidade, para o escoamento da produção agrícola, pesca e leite. Muitas pessoas de Cajazeiras também frequentam balneários que ficam às margens do Rio Piranhas e no próprio açude.

Fabio Kamoto

Especialista em Marketing Político e Digital, Publicitário, Radialista, atua desde 2006 no jornalismo político. Passou pelas pelas Rádios Progresso e Jornal AM, Sousense FM, Líder FM e Mais FM.

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo