DestaquesPolítica

Efraim Filho participa de Fórum sobre empreendedorismo retomada econômica

Na pauta do evento, o Plano Nacional de Retomada Econômica, tema essencial a ser tratado atualmente.

Nesta manhã (14) o deputado federal e presidente da Frente Parlamentar do Comércio, Serviço e Empreendedorismo, Efraim Filho, participou do 1º Fórum de Desenvolvimento e Empreendedorismo, desenvolvido pela União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (UNALE). Na pauta do evento, o Plano Nacional de Retomada Econômica, tema essencial a ser tratado atualmente.

Junto ao parlamentar estavam presentes na mesa o presidente em exercício da UNALE, Ricardo Barbosa, o presidente da Secretaria de Empreendedorismo da UNALE, Eduardo Carneiro, o tesoureiro geral da Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco, Diogo Moraes, a diretora do Instituto Nacional do Semiárido (MCTI), Mônica Tejo Cavalcanti, e o vice presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul, Vilmar Zanchin.

De forma remota participaram o diretor Marcos César e o secretário Paulo Alvim, ambos do Ministério da Ciência e Tecnologia, representando o ministro Marcos Pontes. O tema em questão do fórum: o empreendedorismo e a retomada da economia no país, depois da crise gerada pela Covid-19.

Com a pandemia acontecendo no mundo, muitas pessoas perderam seus empregos formais e viram no empreendedorismo uma forma de continuar garantindo sua renda. Seja por necessidade, sobrevivência, ou por pura oportunidade, empreender foi a saída de grande parte da população e facilitar esse caminho é o objetivo das pessoas que lutam pela Reforma Tributária.

“Existem dois pilares: o legislativo, que acontece com as mudanças de lei a fim de desburocratizar esse processo e simplificar a abertura de novas empresas, e o do crédito, que socorre as pessoas nesse início de negócio. Incentivá-los é uma forma de ajudar a economia do país como um todo, já que novas empresas geram novas oportunidades, empregos e renda”, comenta o deputado Efraim, autor de algumas medidas que já estão auxiliando os pequenos empresários como o Pronampe, o FGI e o PEAC – Maquininhas.

Mesmo em momentos de crise, pesquisas apontam que de 2019 para 2020 houve um aumento de 8% na abertura de empresas. “Isso mostra que o brasileiro carrega o empreendedorismo na veia, então vamos facilitar a vida de quem empreende e produz no Brasil”, completa o parlamentar. Foi um evento bastante enriquecedor e que, de fato, mostra uma luz no fim do túnel na ajuda à população com objetivo de retomar a economia do país.

Fabio Kamoto

Especialista em Marketing Político e Digital, Publicitário, Radialista, atua desde 2006 no jornalismo político. Passou pelas pelas Rádios Progresso e Jornal AM, Sousense FM, Líder FM e Mais FM.

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo