DestaquesParaíba

EM UIRAÚNA: Radialista é demitido de sistema de comunicação por fazer críticas ao prefeito de Cajazeiras

Segundo o comunicador, o gestor cajazeirense criticou a sua atuação e chamou atenção da emissora durante reunião para demiti-lo do programa.

O radialista Geraldo Andrade, foi demitido de forma covarde da Rádio Mais FM de Uiraúna, nesta sexta-feira (26) depois de utilizar seu Blog para fazer críticas ao prefeito de Cajazeiras José Aldemir (PP). Geraldo disse que seu Blog não tem nenhum vinculo com o sistema de comunicação.

Segundo Geraldo Andrade, o gestor cajazeirense criticou a sua atuação e chamou atenção da emissora durante reunião para demiti-lo do programa. Geraldo ainda revelou que por causa de um contrato de divulgação de prestação de serviços referente a mídias que a prefeitura tem no referido sistema de comunicação, o gestor pediu sua cabeça aos diretores da emissora fazendo uma verdadeira chantagem política e covarde.

Geraldo demonstrou muita insatisfação quanto ao posicionamento do prefeito e considerou a posição como ditatorial do politico. “O que não falta em Uiraúna é perseguição política. Quando fui contratado, para montar um projeto aos sábados na Mais FM, deixei claro que o programa teria participação popular. Ao decorrer dos anos, a emissora queria censurar até as minhas informações que eram publicadas em meu Blog a pedido do prefeito de Cajazeiras, chegando até a mandar eliminar meu Blog de Informações se fosse para continuar trabalhando na rádio.”, relatou.

O vereador de Uiraúna, Carneirinho, ao tomar conhecimento da situação condenou a perseguição política sofrida pelo radialista e comentou que deverá utilizar a tribuna da câmara de Uiraúna para apoiar o profissional, que, segundo ele, teve seu trabalho retiro de suas mãos de forma injusta. Ele acrescentou que com essa postura do prefeito Zé Aldemir, quem sai perdendo é o povo de Uiraúna e toda região do Vale do Rio do Peixe. 

Fabio Kamoto

Especialista em Marketing Político e Digital, Publicitário, Radialista, atua desde 2006 no jornalismo político. Passou pelas pelas Rádios Progresso e Jornal AM, Sousense FM, Líder FM e Mais FM.

Leia também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo