DestaquesPolítica

Pedro Cunha Lima vai tirar licença e quadrilheiro junino Rafafá assume mandato por quatro meses

Natural de Campina Grande, tendo origem na periferia, ele também já se candidatou ao cargo de vereador no município. Além de suas lutas, Rafafá também é quadrilheiro junino, participou por vários anos da Junina Moleka 100 vergonha.

O deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) vai se licenciar do mandato parlamentar na Câmara Federal a partir desta sexta-feira (9) e o suplente Rafael Pereira Sousa, mais conhecido como Rafafá, vai ocupar o cargo durante esse período, que terá duração de quatro meses.
 
Enquanto estiver afastado, Pedro não receberá remuneração. Ele explica que irá se licenciar para dar a oportunidade a alguém que, por sua história de vida e de luta, merece chegar à Câmara dos Deputados. O deputado ressalta a trajetória do suplente, que teve uma votação expressiva em 2018 quando tentou ingressar na Câmara Federal e recebeu quase 14 mil votos. Natural de Campina Grande, tendo origem na periferia, ele também já se candidatou ao cargo de vereador no município. Além de suas lutas, Rafafá também é quadrilheiro junino, participou por vários anos da Junina Moleka 100 vergonha.
 
“É um gesto com quem merece. Por sua origem, determinação e capacidade de trabalho. Faz bem ter espírito de grupo e valorizar, de verdade, quem está ao nosso lado. Tenho plena confiança que ele nos representará muito bem. Na causa animal, que é nossa bandeira, e em outras ações. Tem também um simbolismo que considero importante, e pesou na decisão, pelo espaço que o PSDB compartilha com a diversidade, outra bandeira nossa. Um representante de Campina que vai nos dar orgulho de seu trabalho por toda Paraíba”, pontuou.
 
Assumindo o cargo, Rafafá destaca ter pautas e bandeiras prioritárias para defender na Câmara Federal, que vão da causa animal, luta por melhorias na classe dos professores e a inclusão da categoria no grupo prioritário da vacinação contra o coronavírus. A valorização dos enfermeiros e técnicos, retorno das aulas para crianças, a inserção de pessoas com mais de 40 anos no mercado de trabalho e a causa LGBTQIA+ também serão bandeiras de luta, conforme detalha o suplente.
 
“Minha bandeira é o povo. Venho do povo, de família humilde, moro em um dos bairros mais populares de Campina Grande e fico feliz demais por representar minha Paraíba e meus 13.940 votos. Espero que ao longo da minha atuação a população paraibana e também do Brasil saiba que dei uma grande contribuição para que nosso país melhore, dando mais oportunidade e espaço para quem precisa”, afirmou.

Portal Correio

Fabio Kamoto

Especialista em Marketing Político e Digital, Publicitário, Radialista, atua desde 2006 no jornalismo político. Passou pelas pelas Rádios Progresso e Jornal AM, Sousense FM, Líder FM e Mais FM.

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo